EDUTRETENIMENTO – O casamento perfeito entre entretenimento e educação

Ontem foi realizado mais um grupo de estudos do PET. O convidado desta vez foi o professor Marcos Américo que trouxe para discussão o seu tema de pesquisa

 
Da Redação SICOM PET, por Camila Nascimento David
Professor Tuca no Grupo de Estudos de Edutretenimento

O que é Edutretenimento? É exatamente a resposta que o professor veio trazer. Edutretenimento é uma área relativamente desprezada na academia, pouquíssimas pessoas pesquisam a respeito, conseqüência de uma visão antiquada a respeito do tema.

O professor Tuca define o Edutretenimento como um gênero, que contém vários formatos diferentes de programas. Mas o objetivo é lançar produtos que tenham como função entreter as pessoas e que ao mesmo tempo transmitem algum conteúdo. É despertar o interesse das pessoas em assistir, ouvir, jogar e etc para aprender.

No Brasil, apesar de existir uma visão distorcida a respeito desse gênero, principalmente no âmbito televisivo, um programa que conseguiu fazer este casamento foi a Vila Sésamo, que trazia informações educacionais básicas como escovar os dentes e atravessar a rua, e foi um grande sucesso nos anos 70.
Apesar de muitos acharem que a TV deve ter uma função social, informativa e educacional, para que não se torne um fator alienante, de manipulação da sociedade, a grande realidade é que a ela foi criada como objeto de entretenimento e não como um ambiente de educação formal. Acerca desta problemática o professor Tuca afirma “O remédio contra a manipulação dos meios é a educação”.
No âmbito televisivo quem mais soube explorar a ideia de E-E (Entretenimento – Educação) foi o vice-presidente da Televisa no México, Miguel Sabido, que ao assistir a exibição da novela “Simplesmente Maria” (1969) passou a estudar o conceito e criou técnicas junto com sua irmã e professora, Irene Sabido, para aplicar estes estudos na produção de novelas mexicanas com propósitos educacionais.
A aplicação destas teorias aconteceu entre 1970 e 1974 e foram obtidos benefícios sociais comprovados. As novelas abordaram temas como o planejamento familiar e o fortalecimento do papel feminino na sociedade, o que rendeu ao México uma queda de 34% na taxa de crescimento demográfico, e por consequência, o prêmio de População das Nações Unidas em 1986.
O método Sabido de produção se espalhou pelo mundo. No Brasil,  sofreu algumas adaptações e acabou se transformando no chamado Merchandising Social, onde emissoras já possuem um roteiro da novela definido, e tentam embutir nele algumas mensagens sócio-educativas.  Este método acaba diminuindo as chances de resultados eficazes na sociedade.
Assim, a culpa da alienação dos indivíduos, segundo o professor Tuca “está sempre sendo transferida, mas não existem motivos para culpar as mídias”. Segundo ele, existem quatro fatores que podem falhar e ocasionar a alienação, e são eles: a escola e a família que são responsáveis pela educação, a falta de conhecimento e de interação com as novas tecnologias, e a falta de visão de futuro.

Deixe uma resposta