Gosta de filmes de terror e ainda não sabe o porquê?!

Da Redação SICOM PET,
por Mariana Belo


Quando uma pessoa senta em uma cadeira para ver um filme de horror, ela não está esperando sentir apenas medo, espera sentir também, prazer. No entanto, cada pessoa sente uma determinada proporção dessas duas sensações em conjunto, se ela sentir muito mais medo do que prazer, ela não deve ser uma grande fã dessas histórias que causam arrepios.
A narrativa do horror é sempre uma luta do bem contra o mal, o normal e o anormal, de forma que o normal é sempre restaurado. Essas histórias podem ser definidas como uma defesa simbólica dos padrões de normalidade de uma cultura. Os monstros são entendidos como uma perturbação da ordem natural, ultrapassar o plano metafísico e cair no mundo real é contra a lei. Isso tudo está carregado de valores, é aqui que a catarse de Aristóteles se reafirma, o homem consegue liberar seus sentimentos através de um filme de terror.
No entanto, o metafísico, como pode parecer, não é o plano principal desses filmes, é apenas um acontecimento que surgiu para abalar a ordem. Para dar verossimilhança ao filme, a narrativa baseia-se no conceito de mimese, pois mesmo sendo um filme é necessário criar um estreitamento de laços com o telespectador, para isso o cenário deve fazer parte do mundo onde ele vive, quanto mais próximo esse mundo estiver do mundo dele, maior será as reações esperadas do filme, de cada cena.
O medo mostrou-se diferente em cada época, e mostra-se assim, em cada cultura. Ele depende de vários fatores externos e internos. De como a pessoa foi criada e em qual situação ela vive. Apesar disso, nos filmes de terror, em todas as épocas o medo mostra-se como uma alegoria do restabelecimento do status quo. Apesar de passar por várias décadas, os filmes do gênero horror surgem com mais frequência em épocas de tensão social, pois eles são um meio pelo qual o homem pode expressar suas angústias.
O medo sempre esteve entre os seres e assim continuará; assim, as obras artísticas sempre retratarão o tema, ele nunca deixará de fazer parte do inconsciente e do presente das pessoas. Muitas pesquisas ainda podem abordar esse tema, pois ele é reciclado a todo o momento, e o homem é um ser em transição.
E ai, ficou com vontade de passar um pouco de medo? Aqui vai uma lista (na minha opinião) dos 10 melhores filmes de terror (tentei lembrar dos mais novos, mas é impossível não colocar alguns clássicos).

1) O Iluminado (1980)

2) O Exorcista (1973)
3) Os Outros (2001)
4) Viagem Maldita (2006)

5) Extermínio (2002)

6) O Orfanato (2007)
7) A Espinha do Diabo (2001)
8) A Noite dos Mortos Vivos (1968)
8) Psicose (1960)
9) Terra dos Mortos (2005)

Um comentário em “Gosta de filmes de terror e ainda não sabe o porquê?!

  • 25 de agosto de 2012 em 00:00
    Permalink

    Muito bom!! Até eu que morro de medo fiquei com vontade de ver filme de terror hahahah
    Parabééns, Mari =)

    Resposta

Deixe uma resposta