Investimentos estrangeiros em telecom somaram R$ 11,27 bilhões em 2011


Por Wilian Miron do TELA VIVA News
O ingresso de investimentos estrangeiros na área de telecomunicações no Brasil somou R$ 11,266 bilhões (US$ 6,6 bilhões) em 2011. Os dados fazem parte do balanço anual de contas externas do Banco Central – o documento informa apenas os valores totais das transações internacionais, sem especificar em qual área o dinheiro foi usado: investimento em ações, aquisição de equipamentos fabricados no Brasil ou investimentos das matrizes em suas operações locais.


De acordo com o BC, os aportes estrangeiros aumentaram dez vezes na comparação entre o ano passado e 2010, quando a entrada de dinheiro do exterior atingiu R$ 1,125 bilhão (US$ 659 milhões). Esta aceleração fez o segmento representar 35,5% dos R$ 28,848 bilhões (US$ 16,9 bilhões), quantia total de ingressos de investimentos estrangeiros diretos no Brasil, registrados no ano passado.

De outro lado, as operadoras remeteram R$ 4,165 bilhões (US$ 2,44 bilhões) ao exterior, para pagamento de lucros e dividendos, valor praticamente equivalente ao dobro do registrado em 2010. Analistas ouvidos por TELETIME descartam, pelo menos em um primeiro momento, a redução de investimentos das companhias de telecom no Brasil em 2012. Pelo contrário, os aportes em redes, principalmente, devem ser mantidos e em alguns casos priorizados, devido ao arrefecimento das grandes economias do mundo.
Mais detalhes sobre as perspectivas do mercado financeiro para o setor de telecom em 2012 estão na edição de fevereiro da revista TELETIME, que já está em circulação.

Deixe uma resposta