Para contar boas histórias

Durante a Semana, a Jornal Jr traz palestrantes para dividir suas experiências com os alunos

Da Redação JornalJr,

por Caroline Lima

A cada ano a gestão de diretores da Jornal Junior muda, para que diferentes alunos possam participar desse projeto e ter a experiência atuar dentro de uma empresa junior de jornalismo. Diretores, trainees e repórteres exercem coberturas de eventos, produção de boletins e organizam as mais diversas atividades, durante o ano todo. Porém, a Jornal Junior somente ganha grande visibilidade diante dos alunos de jornalismo, da Faac e até mesmo dentro de todo o campus, durante a Semana de Jornal.
O evento é pensado e planejado meses antes de sua realização. Dezesseis alunos de jornalismo, orientados por dois professores tutores, fazem a apuração de nomes, indicados por alunos, para visitar a Unesp Bauru e deixar sua contribuição, contando suas histórias e experiências. Reuniões semanais são realizadas entre os membros da agência, para que tudo aconteça corretamente durante o evento. A vinda e hospedagem dos palestrantes, as inscrições, os materiais, o credenciamento da imprensa, a escolha dos temas, a mediação das mesas. Tudo isso é colocado em pauta nas reuniões. O trabalho é longo. Começa em meados de junho. 
O convite dos palestrantes nem sempre é viável. Alguns jornalistas de programas diários não podem assumir o compromisso de vir para o interior. Outros dizem que o diretor de redação não liberou a vinda. Outros se desculpam dizendo que gostariam imensamente de vir, mas por conta das grandes reportagens que escrevem estão ocupados demais ou não estarão no país no período da Semana. Recebidos todos os “nãos”, vem o prazer de ouvir o sim de algum convidado. Alguém que irá se deslocar de onde está e por algumas horas exercerá o papel do jornalista de contar histórias, mas de uma maneira diferenciada. 
Os receptores dessas trabalharão nos meios de comunicação. Alguns acabaram de chegar à universidade e estão no auge da paixão pela profissão, outros estão indo embora e cheios de dúvidas de como sairão de um espaço cheio de liberdade para entrar no mercado de trabalho. Talvez esses sejam os grandes responsáveis pelo “sim” recebido do palestrante. Por isso, os três dias que compõem a Semana de Jornal são o momento ideal para aproveitar ao máximo e ouvir atentamente o que os já “contadores de histórias” têm a dizer, e assim quem sabe os futuros jornalistas possam contar histórias tão boas quanto as deles.

Veja os bastidores da Semana de Jornal organizada pela Gestão 2011 da Jornal Jr:


Deixe uma resposta