Rede Social é destaque no auxílio à Educação

Da Redação SICOM PET,
por Giovani Vieira

As redes sociais costumam ser consideradas inimigas dos estudos por muita gente. Mas já existem projetos que foram desenvolvidos para serem aliados na preparação dos estudantes e na comunicação entre professores e aunos. Esse é o caso do Conecta Mundo, uma rede social de aprendizagem colaborativa para a elaboração de atividades pedagógicas.
De um modo diferente das tradicionais redes como Facebook e Twitter, com o Conecta Mundo é possível desenvolver projetos temáticos com temáticas relacionadas ao currículo escolar e com o auxílio de objetos digitais de aprendizagem, como vídeos, jogos e animações. A interação é garantida por meio da elaboração de perfis pessoais, enquetes, tópicos de debates em fóruns, wikis e blogs.
Foi por esse diferencial que a rede entrou para a lista de ferramentas inovadoras do Guia de Tecnologias Educacionais do Ministério da Educação. A ferramenta recebeu o selo oficial de qualidade do MEC e está entre as principais ferramentas tecnológicos para o auxílio e desenvolvimento de atividades de ensino-aprendizagem. Além de Agudos, também são desenvolvidas ativdades com o Conecta Mundo em escolas públicas e particulares de Pederneiras, São Carlos, Araraquara, Itirapina, Monte Alto e Conchal.
Todas essas cidades participam do ProInfo, programa do Governo Federal que objetiva implementar na rede pública dispositivos e ferramentas de informática no auxílio ao desenvolvimento de atividades pedagógicas.

Tecnologia e educação aliadas
Na cidade de Agudos, as atividades com o Conecta Mundo começaram no ano passado e atualmente quatro escolas da Rede Municipal de Ensino utilizam a ferramenta: EMEFEI “Professor Sergio Augusto Mainini, EMEFEI e Creche “Professora Silvia Maria Amato Trigo”; EMEF “Professor Fausto de Marco” e EMEFEI e Creche “Professora Lydia Thiede”. Os projetos são planejados pelas professoras das turmas de 3º a 5º ano e realizados durante as aulas de Informática. Ao todo, são 712 estudantes e 61 educadoras envolvidos e as atividades ainda contam com o suporte de equipes técnicas da Secretaria Municipal de Educação.
Desde o ano passado, já foram desenvolvidos mais de 54 projetos com temáticas sobre ciências, meio ambiente, matemática e astronomia. Ao todo foram criadas mais de 170 enquetes; 120 tópicos em fóruns de discussão e textos colaborativos. O envolvimento de professores e estudantes por meio do Conecta Mundo é cada vez maior e a rede social ultrapassou a marca de 1 milhão de cliques.

O projeto “Direito de Ser Criança” desenvolvido pelas professoras Augusta Teresa Barbosa Severino e Daniele P. de Campos Perazzoli ganhou destaque na EMEF “Professor Fausto de Marco” durante o primeiro semestre. Com a turma do 4º ano A, foram desenvolvidas atividades relacionadas com os direitos das crianças e dos adolescentes, bem como a atual situação dos menores na sociedade.

Deixe uma resposta